Feira Future Print faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

shutterstock_1041718081.jpg

Como o marketing digital vai te ajudar na crise do Covid-19?

O Covid-19 está provocando uma quebra econômica nos mais diversos setores, mas o marketing digital pode te ajudar!

Neste período de Covid-19, pessoas físicas e jurídicas precisam fazer adequações e mudanças em suas rotinas. No que diz respeito às empresas, apostar em estratégias de marketing digital pode ser um caminho para se aproximar de seus clientes e fomentar o sucesso do negócio no médio e longo prazo. 

Para quem tem dúvidas disso, um estudo da plataforma de inteligência e pesquisa da NZN demonstrou que 71% dos brasileiros aumentaram suas compras online após o Covid-19. Dados como esse mostram que o ambiente digital é uma opção viável e atrativa para aproximações, mesmo em momento de distanciamento físico.

Então, que tal saber mais sobre como o marketing digital pode ajudar seu negócio nesse período e conferir dicas de como aplicá-lo? Acompanhe!

O que é marketing digital?

Pode-se dizer que o marketing digital é o conjunto de atividades e estratégias realizadas online para atrair novos clientes, fomentar relacionamento e fortalecer a marca. 

Seja no âmbito pessoal ou profissional, o digital está cada vez mais presente no dia a dia. Trabalho, estudo, relacionamento, nos comunicamos e compramos online. Assim, o marketing digital é uma espécie de atualização e expansão do marketing tradicional para essa nova realidade. 

Ele tem como diferenciais a fácil mensuração de resultados, opções de custos atrativos mesmo para as pequenas empresas e uma base de clientes em potencial que podem conhecer e fazer negócios com sua marca com poucos cliques.

Como, de fato, ele pode me ajudar nesse período de Covid-19?

De acordo com pesquisa da Google e do Boston Consulting Group, em torno de dois terços dos negócios fechados entre empresas (segmento B2B) já apresentam uma influência expressiva do marketing digital. 

Assim, se antes a internet já se mostrava como um ambiente central para o sucesso dos negócios, agora, nesse período de Covid-19, ela se apresenta como a única alternativa para muitos empreendimentos. 

Com os estabelecimentos físicos fechados ou operando de forma parcial, e com as orientações para distanciamento social, pessoas físicas e jurídicas têm recorrido ao virtual como forma de comunicação, relacionamento e fechamento de negócios. 

Desse modo, nessa fase desafiadora, é importante se mostrar disponível e próximo de seu cliente. E o marketing digital é um aliado central para isso.

Como começar as ações?

Neste período de Covid-19, o recomendado é criar um planejamento que traga estratégias de mais longo prazo, que contribuam para a construção e o fortalecimento da imagem de sua marca, fazendo com que, após essa crise, ela volte com força máxima junto aos seus públicos de interesse. Para isso, você pode utilizar em sua estratégia:

1. Site institucional

O site é uma espécie de cartão de visitas para seu negócio. Ele é peça fundamental para construir a presença digital de seu negócio e para transmitir confiança e credibilidade na rede.

Se sua empresa ainda não tem um site, esse pode ser o momento para planejá-lo. Há plataformas que possibilitam que você mesmo crie uma primeira versão desse canal na web - como Wix e WordPress. Esse é um canal muito importante para que sua empresa apareça e se destaque quando seu cliente em potencial fizer uma busca no Google, por exemplo.

2. Redes sociais

As redes sociais são ferramentas essenciais para o marketing digital. Elas são opções de divulgação e relacionamento com custo muito acessível e resultados eficientes.

E, nesse momento de isolamento, elas têm sido a aposta de muitos para aproximação - de fato, conforme levantamento da Singular, registrou-se um aumento de 29% nas atividades de marketing em redes sociais em março, em relação ao trimestre anterior, crescimento impulsionado pelo regime de quarentena.   

Entre as redes voltadas para empresas, vale a pena avaliar a presença no LinkedIn, por exemplo. Nele, você pode criar ações voltadas a públicos bastante direcionados, inclusive, com foco em cargos ou setores específicos das organizações - como o de compras, por exemplo. Para o segmento de comunicação visual, o Instagram, que é uma rede com apelo estético, também se mostra interessante.

No entanto, é preciso ter cuidado com o conteúdo que você vai publicar nesse período de Covid-19. Tenha muita atenção ao divulgar informações sobre a pandemia, hoje, as fake news sobre o coronavírus já compõem 85% das mensagens verificadas pelo Ministério da Saúde, portanto, há muita notícia falsa em circulação e replicá-las, além de ser um desserviço, pode comprometer a credibilidade e a imagem de seu negócio. Assim, para esses conteúdos, utilize apenas fontes de informações oficiais (como OMS e Ministério da Saúde). 

Se você ainda não tem muita experiência com o gerenciamento de mídias sociais, saiba que o Facebook lançou uma central de recursos para empresas. Nela, há dicas de como utilizar a rede para se aproximar de seus clientes nesse período de Covid-19.

3. Crie conteúdo relevante

A criação e o compartilhamento de conteúdos úteis para seu público de interesse são um dos pilares do marketing digital - e, nesse período de Covid-19, isso não é diferente.

Na verdade, uma pesquisa feita pela plataforma MindMiners demonstrou que 50,7% dos participantes acreditam que é papel das marcas ajudar a promover a conscientização das pessoas nesse momento. Ainda, conforme o levantamento, os respondentes afirmaram que gostariam que o foco dos conteúdos nesse período estive em temas como a proteção e o cuidado adotados pelas empresas para a segurança de seus funcionários, doações e outras ações de auxílio ao sistema público e à comunidade, além de dicas de conscientização sobre como agir nesse momento.

Outro estudo, dessa vez realizado pela Kantar, demonstrou que, para 80% dos participantes, as marcas precisam comunicar quais são suas ações diante dessa crise. Entre os temas que gostariam que fossem abordados nos conteúdos das marcas, aparecem dicas para o dia a dia em quarentena, dados que demonstrem como a crise pode ser derrotada, conteúdos para ajudar a reduzir a ansiedade, entre outros.  

A partir disso, você pode ter insights para divulgar no seu site, blog e redes sociais alguns conteúdos alinhados ao período de Covid-19 e às necessidades de seu público. Assumindo uma postura responsável, humanizada e próxima de seu cliente, o fortalecimento de sua marca pós-pandemia será um resultado a ser colhido. 

4. Humanize a marca de sua empresa nesse período de Covid-19

Em momentos difíceis, é essencial se comunicar de modo empático e humano. Para isso, demonstre em seus canais digitais o comprometimento da sua empresa com seus funcionários e as medidas que estão sendo tomadas para garantir sua saúde e seu bem-estar. Demonstrar imagens dos bastidores, por exemplo, como é o home office de sua equipe, ajuda, também, a gerar conteúdo mais leve e humano, aproximando sua marca de seu público. 

Outra estratégia que tem sido adotada é, além de atender às dores de seu cliente, demonstrar também as de seu negócio. Por exemplo, empresas locais têm falado sobre como é importante apoiar os negócios da comunidade e comprar dos pequenos empreendimentos para todos vencermos a crise. 

5.  Invista na geração de leads

Resumidamente, leads são todos que entram em contato com sua empresa e que apresentam potencial de se tornar clientes. Eles são muito importantes porque, mesmo que não gerem negócios imediatos, poderão fazê-lo no médio e longo prazo.

Uma das estratégias de marketing digital para gerar leads é oferecer algo relevante e de valor (como um ebook, por exemplo), tendo como contrapartida o preenchimento de um formulário com os dados básicos da pessoa ou da empresa. A partir disso, você poderá manter contato e construir um relacionamento prolífero com essa base que está sendo criada.

6. Faça atendimento online consultivo

Nos negócios entre empresas, as visitas técnicas e as negociações face a face são muito importantes. Nesse período de Covid-19, você pode se diferenciar oferecendo um atendimento à distância personalizado e consultivo.

Para isso, você pode disponibilizar um número de WhatsApp de sua empresa ou, mesmo, fazer reuniões virtuais via vídeo utilizando ferramentas como Zoom e Google Hangouts Meet, por exemplo.

Registre-se para fazer download desse recurso

Registrar-se como membro da Feira Futureprint lhe dá acesso a conteúdo premium incluindo webinars, whitepapers e muito mais.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar