Feira Future Print faz parte da divisão divisionName da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

6 - personalizacao-substrato-serigrafiasign

Especialista revela possibilidades de personalização de 4 substratos

A tendência em personalização de produtos atingiu em cheio o setor de comunicação visual e trouxe interessantes oportunidades para fornecedores. Para personalizar substratos, a empresa deve estar atenta a três fatores importantes: os resultados esperados pelo cliente, o custo de produção e venda, além de como utilizar cada material. Aliás, saber como tirar o melhor proveito de cada substrato é um dar passo a frente da concorrência. Acompanhe, a seguir, como trabalhar com tecido, porcelana, madeira e acrílico.

A imaginação é o limite, e a criatividade dos designers em criar os padrões e os desenhos casam com a alta tecnologia

Tecido

Em tecidos, por exemplo, a imaginação é o limite, afirma Cássio Arrizabalaga Rodrigues, consultor técnico da ABTG (Associação Brasileira de Tecnologia Gráfica). “A impressão digital em tecidos tem crescido ano após ano, inclusive com o advento de tintas pigmentadas para a impressão direta”, explica. “Para cada tipo de tecido e para cada tipo de aplicação, podemos usar tintas especiais, tais como reativas, pigmentadas, ácidas e dispersas, processo de impressão direta ou de sublimação, em impressoras do tipo ‘rolo a rolo’ ou com tapete especial dotado de cola permanente.”

Com tantas opções, “a criatividade dos designers em criar desenhos a serem impressos casam com a alta tecnologia das impressoras e cabeças, tornando os impressos verdadeiras obras de arte”, acrescenta o especialista.

Porcelana

Já com relação à porcelana, o método de personalização mais conhecido – e também mais em conta – é a sublimação. “A peça deve estar preparada com uma resina especial para ancorar a tinta sublimática (impressa normalmente por impressoras pequenas e tinta especial) e ser submetida à prensagem e calor em prensas com formatos específicos, tais como planas para azulejos, curvas para canecas, peças cilíndricas ou até mesmo em pratos. Essa modalidade de personalização oferece inúmeras possibilidades para brindes em aniversários, empresas, festas e ocasiões especiais”, recomenda.

Madeira

A madeira, por sua vez, segundo o especialista da ABTG, permite a utilização de uma série de técnicas. “Podemos trabalhar a madeira de algumas formas interessantes, desde com o uso de ‘routers cnc’ para entalhes programados por computador, da impressão digital, com o auxílio de impressoras de mesa plana com tecnologia UV, e até da sublimação, usando um verniz especial para ancoragem da tinta.”

Acrílico

O acrílico também pode ser personalizado com o uso de ‘routers cnc’ para trabalhos em alto e baixo relevo, por laser ou por efeito mecânico, além de impressão UV. “As impressoras atuais podem imprimir usando também a tinta branca, na frente ou no verso do acrílico, dependendo da necessidade”, orienta Rodrigues. “O uso de LEDs em decoração em acrílico pode também trazer efeitos muito interessantes, inclusive associando outras tecnologias de gravação ou de impressão nas peças de acrílico.”

9

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar