Gestão, Oportunidades

Sistema de impressão digital têxtil: veja como desenvolver na sua empresa

Engana-se quem pensa que a implementação de um sistema de impressão digital têxtil envolve apenas a compra de um maquinário moderno. Muitas vezes, é preciso mudar totalmente a cultura da empresa, investir em treinamentos e até mesmo buscar novos fornecedores no mercado.

Fábio Tolosa, Business Development Executive da Epson do Brasil, recomenda traçar um plano de ação que deve começar com a compreensão de quem será o seu cliente. Para isso, é preciso ter respostas para as seguintes perguntas:

  • Meu cliente vai comprar folha impressa ou tecido estampado?
  • Preciso desenvolver estampas exclusivas, comprar imagens do mercado ou imprimir as imagens do cliente?
  • Ele trabalha com pano cortado ou corrido?
  • Qual mercado ou público estou buscando? (moda, artigo esportivo, decoração, etc.)
  • Qual o preço médio de mercado para este trabalho?

Também é fundamental desenvolver um plano financeiro e de prioridades. Com o conhecimento das necessidades dos clientes em mãos, vale a pena entender quais os processos de impressão digital mais adequados e o que precisará ser comprado ou adequado à estrutura da empresa.

Dessa forma, é possível levantar o investimento necessário e quebrar uma das principais barreiras atuais para a consolidação de um sistema de impressão digital têxtil: o seu custo elevado em relação a processos tradicionais.

Conhecimento é tão importante quanto tecnologia

É claro que contar com os equipamentos, tintas e insumos adequados é fundamental nesse sentido. No entanto, o conhecimento dos métodos e dos processos envolvidos é tão importante quanto.

Sem profissionais capacitados, a tecnologia não pode ser operada de maneira correta. Com isso, os resultados esperados dificilmente serão alcançados, e você poderá se ver frustrado por ter investido uma alta quantia.

Pontos a prestar atenção

“O principal ponto de atenção ao buscar uma solução completa no mercado para reduzir erros e o tempo de reparo é ter apenas um fornecedor e saber quem contatar. Quando o fabricante do equipamento detém toda a tecnologia, não existe um jogo de empurra-empurra que ocorre quando o equipamento é de um fabricante, a tinta de outro, a cabeça de impressão de outro e a assistência técnica de mercado. Esta mistura de fornecedores pode gerar problemas para o cliente”, pondera Tolosa.

Também é fundamental dar o tratamento adequado ao tecido antes da impressão. Sem isso, as demais fases não acontecem e, dessa forma, erros podem surgir durante o processo, como o desvio de cores entre os lotes de produção.

Quer saber mais sobre como implementar um sistema de impressão digital têxtil? Deixe sua mensagem no campo de comentários abaixo e continue acompanhando o nosso canal de conteúdo. 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *