Feira Future Print faz parte da divisão divisionName da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Como aumentar a escalabilidade do seu negócio

Como aumentar a escalabilidade do seu negócio?

Entender o que é a escalabilidade é fundamental para que um negócio cresça de forma saudável e lucrativa. Afinal, escalar significa manter o foco, ao mesmo tempo em que a inovação não fica de lado. Muitos especialistas, inclusive, já consideram a escalabilidade como uma das bases essenciais para que um negócio se mantenha competitivo e produtivo.

Em mercados cada vez mais competitivos, especialmente quando falamos da comunicação visual, apostar nas frentes certas faz toda a diferença. Mas como fazer para continuar crescendo de forma planejada e ainda sair na frente da concorrência? Saiba mais a seguir.

O que é a escalabilidade de um negócio?

“Aumentar a escalabilidade de um negócio significa aumentar a capacidade que uma empresa/negócio tem de crescer, atendendo suas demandas, sem perder o foco em sua proposta de valor”, explica Alexandre Wolf, professor de Inovação e Empreendedorismo da FAE Business School.

Em outras palavras, a escalabilidade é sinônimo de crescer de forma objetiva e descomplicada. Por isso, exige que as empresas jamais percam o foco na qualidade e em seus diferenciais. É importante ter em mente que todo tipo de negócio pode aumentar o seu faturamento a partir de um modelo escalável. No entanto, isso requer um entendimento profundo do mercado de atuação, assim como das demandas dos clientes. Dessa forma, é possível avaliar quais são as inovações na área e quais as possibilidades de lucro que elas podem gerar.

Outro ponto importante quando falamos de escalabilidade está no fato de que ela não demanda automaticamente maiores investimentos financeiros. Muitas vezes, adotar novas tecnologias, por exemplo, já é suficiente para crescer e obter resultados positivos.

Como escalonar um negócio?

“Para escalar o negócio, a primeira regra é fazer com que o faturamento cresça em uma proporção maior que a dos custos. Um negócio escalável é aquele que apresenta potencial de expansão sem limites”, explica o professor.

De acordo com ele, o modelo de negócio ainda deve atender a três qualidades: ser ensinável, valioso e replicável: “ensinável é quando pode ser passado para os colaboradores sem muita dificuldade; ele deve ser valioso para quem dá e para quem recebe a proposta de valor, em um jogo de ganha-ganha, e é replicável a medida em que esse modelo pode ser replicado e expandido indefinidamente.”

Também é importante para a escalabilidade avaliar o mercado e planejar. Para isso, deve-se entender o potencial do mercado e as necessidades dos clientes porque só assim você poderá usar os recursos disponíveis de forma mais sustentável e gerar mais valor. Além disso, é preciso entender e medir o potencial que o seu produto tem no mercado. Esta avaliação ajuda a atrair possíveis investidores e implementar novas estratégias de vendas e fidelização de clientes.

Tenha em mente que uma das premissas de um modelo escalável são os produtos ou serviços inovadores, por isso, é preciso sair da zona de conforto e parar de oferecer mais do mesmo.

Otimização de recursos

Escalabilidade, de forma geral, também é fazer mais com menos. Por isso, tornar o seu negócio mais competitivo não requer necessariamente contratar novas pessoas ou investir mais dinheiro.

Pelo contrário, avaliar os recursos disponíveis e entender como eles podem ser melhor aproveitados é o que faz toda a diferença. Tenha em mente que a sua estrutura atual pode ser otimizada, e essa simples atitude já faz toda a diferença para obter resultados extraordinários.

Monitoramento frequente

Acompanhar e avaliar constantemente os processos da empresa é outra atividade de extrema importância quando o assunto é escalabilidade. Afinal, é esse monitoramento que permitirá identificar o que não funciona e as prioridades de mudança.

Vale dizer que acompanhar de perto o negócio é algo que deve acontecer tanto na fase de planejamento para escalar o negócio, quanto nos períodos que virão a seguir. Tenha em mente que inovar é uma atividade frequente, por isso, quanto mais de perto você acompanhar a evolução, mas fácil será aprimorar os processos cada vez mais!

Para facilitar o trabalho, estabeleça indicadores de desempenho e metas. Com isso, a agilidade para identificar gargalos e oportunidades será muito maior.

Avaliação e correção

Por fim, tenha em mente que o universo dos negócios não é uma ciência exata. A sociedade está em constante mudança, a evolução tecnológica é rápida e o comportamento dos clientes evolui. Portanto, a escalabilidade não é uma atividade isolada ou pontual.

O mais importante, aqui, é testar modelos diferentes, avaliar constantemente e não hesitar jamais em mudar o que não funciona.

A escalabilidade é, sim, uma forma de obter um crescimento saudável e alto. No entanto, ela precisa ser gerenciada para ser eficaz, por isso, defina metas, evolva toda a equipe e sempre esteja atento às novidades do mercado!

E você, está pronto para aumentar a escalabilidade do seu negócio? Compartilhe a sua experiência conosco e continue acompanhando o nosso canal de conteúdo.

Ocultar comentários

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar