Gestão

Entenda a importância do preflight para os trabalhos de impressão

O preflight pode eliminar de 70 a 80% dos problemas de impressão, independentemente do substrato que será utilizado. Isso porque boa parte dos erros costuma acontecer antes mesmo de o processo de impressão começar, no momento da preparação.

Atualmente, a grande maioria dos arquivos para impressão gráfica é salva em arquivos PDF. E muitos dos softwares que leem esse formato, inclusive o próprio da Adobe, contam com uma função chamada de preflight.

Em português, esta funcionalidade recebe o nome de “checagem” que, como o próprio nome sugere, analisa rapidamente todos os parâmetros do arquivo para identificar problemas. 

“O preflight consegue identificar falhas como falta de sangria e fontes, imagens em resolução inadequada, em RGB e perfis de cores embutidos, entre outras. O mais conhecido e eficiente atualmente chama-se ‘PitStop Pro’”, afirma Robson Xavier de Carvalho, diretor da Cor e Processo.

Para realizar essa checagem, o software usa algumas regras predeterminadas. Ao escanear o arquivo, se alguma dessas regras não for validada, todo o documento é dado como ‘em não conformidade’. Assim, você pode revisar o arquivo e ver em quais pontos ele falhou para fazer as correções.

Entenda a importância do preflight

“O preflight é fundamental para toda a indústria de impressão. Começar um trabalho sem a preparação adequada, deixando para saber durante ou depois da impressão que um arquivo é inadequado, além de ser uma prática amadora, é jogar muito dinheiro fora”, alerta o especialista.

De acordo com Carvalho, o preflight deve ser uma etapa do processo de impressão que acontece entre o recebimento do arquivo e a produção. Dessa forma, é possível obedecer padrões que podem ser configurados de acordo com o trabalho que será realizado.

“O método mais eficaz para reduzir perdas é fazer o preflight em todos os arquivos”. Além disso, essa checagem é uma maneira rápida e segura para analisar as artes que serão usadas e garantir maior qualidade no resultado final.

Vale a pena investir alguns minutos a mais na pré-impressão

Nenhuma empresa quer ser associada ao descuido ou à falta de qualidade, certo? Por isso, vale a pena dedicar alguns minutos a mais na pré-impressão para que seja possível garantir um trabalho melhor e mais eficaz.

Além disso, o preflight ajuda a economizar tempo e dinheiro, ao garantir que o arquivo esteja em conformidade. Pense que, ao não realizá-lo, você corre o risco de que todos os produtos sejam produzidos de forma incorreta  e, assim, tenha a necessidade de rodar as máquinas novamente até entender onde o problema está para que o resultado desejado seja alcançado.

Lembre-se de que a grande maioria dos problemas de impressão pode ser evitada com esse simples cuidado. Por isso, mesmo que você tenha que pagar um software a mais, contar com a ajuda de um preflight faz toda a diferença para que a sua empresa fique mais competitiva.

E no seu negócio, como é feita a etapa de pré-impressão? Ficou com alguma dúvida? Conte pra gente no campo de comentários abaixo e até a próxima. 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *